LEIA +

Dia do Engenheiro - 11 de Dezembro

É do Dia do Engenheiro, celebrado ontem, dia 11. Quem escreveu foi o presidente Ricardo Rocha. Ele fala sobre formação, que é a com maior incidência entre os CEOs mais bem avaliados do mundo, segundo pesquisa da Harvard Business. E também as habilidades profissionais dos Engenheiros, que os levam a ...

LEIA +

CURSO ARBORIZAÇÃO URBANA

CURSO ARBORIZAÇÃO URBANA Associação Maringaense dos Eng. Agrônomos, AMEA - realizará nos dias 22 e 23 de Outubro de 2019 no Auditório do CREA/Maringá, Curso sobre Arborização, que será ministrado pela Plant Care, empresa certificada pela Sociedade Brasileira de Arborização Urbana e International So...

LEIA +

ELEIÇÃO PARA DIRETORIA E CONSELHO DA AMEA

E D I T A L - E L E I Ç Ã O A AMEA, Associação Maringaense de Engenheiros Agrônomos com sede na Av. Dr.Gastão Vidigal, 1.190, Maringá – PR, através da Comissão Eleitoral constituída pelos Engenheiros Agrônomos José Antonio Borghi, Ivo Grando e Valdomiro Tormen, com base no Capítulo 4 do...

LEIA +

Congresso Paranaense de Engenheiros Agrônomos

Ocorreu entre os dias 03 e 05 de agosto de 2016 em Pato Branco o 17º Congresso Paranaense de Engenheiros Agrônomos, em Pato Branco, PR. O evento foi um sucesso....


CREA-PR participa do Congresso Paranaense de Olericultura

11/06/2013 00:12:31

A oportunidade para a troca de conhecimento e experiências atraiu aproximadamente 400 pessoas para a abertura do I Congresso Paranaense de Olericultura. O evento é promovido em Guarapuava pela Unicentro (Universidade Estadual do Centro-Oeste) e pela ABH (Associação Brasileira de Horticultura), com o apoio do CREA-PR e da Aeagro (Associação dos Engenheiros Agrônomos de Guarapuava).
Com três dias de duração, o evento segue até amanhã (7), sendo voltado à olericultura, ramo da horticultura que abrange a exploração de hortaliças e engloba culturas folhosas, raízes, bulbos, tubérculos e frutos. O coordenador do congresso, professor do curso de Agronomia da Unicentro e Engenheiro Agrônomo Jackson Kawakami, explica que o evento é dividido em três sessões temáticas de palestras. Uma delas diz respeito a folhas e frutos, a outra sobre os tubérculos, e a terceira refere-se à cultura orgânica e plantas medicinais. Elas passam por questões referentes à fitotecnia, ao controle de pragas e doenças, o processamento e a comercialização da produção.
“Além de proporcionar a troca de experiências entre acadêmicos, profissionais e pesquisadores, o objetivo do congresso é reforçar a importância das hortaliças como promotoras de saúde”, ressaltou Kawakami. Além do congresso, o campus Cedeteg da Unicentro sedia conjuntamente o I Simpósio da Associação Brasileira de Horticultura do Paraná e o II Seminário do Programa Paranaense de Certificação de Produtos Orgânicos.
Na abertura do evento, o presidente do CREA-PR, Engenheiro Civil Joel Krüger, ressaltou a importância da atuação do Engenheiro Agrônomo na cadeia produtiva dos alimentos e na garantia da segurança alimentar. “O CREA-PR tem atuado na área de segurança alimentar principalmente na rastreabilidade, com o trabalho dos Engenheiros Agrônomos, que precisam certificar os produtos. Isso possibilita a garantia da qualidade da produção para a população, proporcionando a melhoria na qualidade de vida das pessoas”, afirma.
Krüger disse ainda que a olericultura engloba vários aspectos que envolvem a atuação do profissional do Sistema CONFEA/CREA e demandam a aplicação de seu conhecimento técnico na prática do dia a dia.
“Os produtos da olericultura, que são consumidos in natura, podem sofrer uma série de problemas ao longo do processo de produção, de transporte e de armazenagem. Temos desde a questão do uso adequado de defensivos, dos agrotóxicos, que podem causar algum dano na qualidade do alimento, a questão do transporte, da armazenagem, dos pontos de revenda, para garantir a qualidade desse alimento, que será consumido in natura pela população, com poucas condições às pessoas de verificação direta desses alimentos”, comentou.
Além de apoiar o congresso em parceria com a Aeagro, o CREA-PR está com um estande montado no campus Cedeteg. O espaço divulga as ações do Conselho e recepciona os profissionais que participam do evento.

Por João Quaquio (Regional Guarapuava)


Voltar